Artistas no Portal

Obras à venda

Facebook


FaceBook 48x48

 

Composição

 

Na pintura, distribuição dos diferentes elementos do quadro, com a finalidade de conseguir o efeito que se pretende. Costuma-se referir, principalmente aos ritmos lineares do desenho, à distribuição de formas e massas e aos efeitos de luzes e sombras.

 

Embora muitos dos grandes artistas chegaram a elas de maneira intuitiva, o certo é que a composição de um quadro se rege pelas normas bem definidas e desde antigamente estudadas pelos tratadistas. Todos os elementos que citamos anteriormente são expressivos por si sós, com independência do termo pictórico a que se destinem. Os ritmos lineares, por exemplo, podem criar no quadro tensões, movimento, serenidade; podem enfocar a atenção do espectador sobre os detalhes essenciais da obra, ou bem, ao contrário, dispensá-la.

 

As linhas ascendentes sugerem sentimentos de gozo, enquanto que as descendentes podem expressar tristeza ou desânimo, etc. Outro tanto pode ser dito dos volumes e formas, nos quais sua estrutura geométrica expressa por si só segurança, equilíbrio, tensão, força... Inclusive é importante a alternância ou jogo de espaços vazios e cheios, comparados com precisão de uma frase musical, onde são tão essenciais as notas como o silencio a duração daqueles e destes.